Passagem Secreta


Pintura: Sr. do Vale
2,50m x 1,50m

No meu ventrículo aberto
encharcado
encontro você imersa
.
nem nada, nem flutua
apenas observa e manipula
a saída e entrada dos meus ecos
refletindo contra as ondas,
maremotos dos seus.
.
Que fada, que musa, que nada?!
Apenas se afunda lá dentro
como serpente d'água
.
e o ventrículo se enche
e logo depois murcha
por ver você esgueirando-se
dessa sua forma insipiente.

5 comentários:

Lara Amaral disse...

No meu ventrículo aberto
encharcado
encontro você imersa

nem nada, nem flutua
apenas observa e manipula
a saída e entrada dos meus ecos
refletindo contra as ondas,
maremotos dos seus.

Que fada, que musa, que nada?!
Apenas se afunda lá dentro
como serpente d'água

e o ventrículo se enche
e logo depois murcha
por ver você esgueirando-se
dessa sua forma insipiente.



Preciso dizer que essa está entre as minhas pinturas favoritas, viu? Amei, amigo, não há verso para manifestar o que senti.
Beijo.

Mai disse...

Que coisa mais intensa!
Fiquei atônita, Vale...E após isto ler o poema da Lara foi além.
Incrível.
Parabéns a ambos.

Genny Xavier disse...

Querido Sr. do Vale,
Há tantos mistérios que se esbarram nos sentimentos da alma...mas, me causa ainda mais admiração quando estes sentimentos são expressos...vezes na arte de pintar, vezes na arte de palavrear...enfim...quando se casam as duas linguagens ainda mais admiramos...
Parabéns aos dois...pintor e poetisa.
Beijos,
Genny

Sérgio Luyz Rocha disse...

Fala, meu velho!!!!!!
...cara, quando escrevo as minhas "pequenas notas autobiográficas" torço pra que alguém que tenha vivenciado comigo a estória original leia e identifique o momento...suas lembranças foram exatas! E mais, me emocionaram. Também nunca esqueci o sorriso da Sandra, também não esqueci os muitos amigos e amigas em perfeita sintonia...
...e só pra você ver como é tal "sintonia"...quem sabe minhas notinhas autobiográficas sejam apenas passagens nem tão secretas para um lugar do qual não desejamos nunca ter saído??
Como vc. tão bem reproduz na sua tela, a passagem é secreta só para impedir que os caretas de plantão encontrem o nosso mundo.

Abração, meu amigo!

Sérginho

lenor disse...

Primeiro secreta, depois passagem.