Resíduos Humanos

Desenho: Sr. do Vale


Considerações sobre "Resíduos Humanos":
"E ele nem quis olhar para trás
mesmo tendo que passar por sobre todos os cadáveres
E ele só queria esquecer um pesadelo que viveu
em uma grande cidade
Seus olhos frios eram de viver
sua face louca era um só pensar
seu passo incerto era como
toda a sua juventude
Não vá embora
fique comigo
me espere na mesma esquina
ou do outro lado da vida."

21 comentários:

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querido Amigo, magnífico desenho, maravilhoso!
Também queria aqui fazer referênciaá tua contribuição no blogue da Renata Cordeiro...SUBLIME!
Beijinhos de carinho,
Fernandinha

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Amigo, sinto-me agraciada por tê-lo no rol dos Amigos...É um privilégio para todos poderem "beber" da tua Arte. E não vou adjetivá-la, você faz Arte e isso é tudo. Nem vou falar de Mestre Vitalino, pois deves conhecer detalhes biográficos dele muito mais que eu, mas como tive, pelo menos, dois artesãos na família, entre eles, meu saudoso pai, depositei nesse magnífico escultor da argila nordestina uma carga emocional imensa...Estou terminando um post, simples, como os demais e volto aqui para buscar essa preciosa e justa homenagem que prestaste ao NOSSO VITALINO, cujas OBRAS pontificam no Museu do Louvre. Veja, a maioria do nosso povo já nem sabe mais dele, mas os estrangeiros, sim! Contradições...Grande abraço!!!
Esse seu quadro novo...Sem adjetivos, já disse!

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Nossa! Esses "resíduos humanos" são impressionantes! Sr. do Vale, Fiz postagem nova e uma linda obra sua está lá, aliás duas, porque uma é o meu retrato que sempre ponho. Aperte a tecla "Page Down" e pare onde bem lhe aprouver. Se tiver interesse em mais coisas, volte outro dia, pois o post não vai sair de lá.
Um abraço,
Renata
wwwrenatacordeiro.blogspot.com
No final do post, há uma casinha, um banquinho, depois quem quiser pode ir ao meu castelo.

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Amigo, acabei de ler e opinar sobre a homenagem que prestaste a um dos maiores expoentes da Cultura Mundial que o Brasil escamoteia. Bem cantava a Elis a letra do nosso Tom: " O Bresil não conhece o Brasil..." É a famosa "Querelas do Brasil" que fala até em Nova Iguaçu, cidade boa, onde cresci, casei e tive meu filho. Fico indignada mesmo, vou parar.
Persista, não se abale com nada e, sobretudo, ACREDITE NO SEU TRABALHO!!!

Oliver Pickwick disse...

Rapaz, dois meses ausente do mundo de Matrix. Não é muito, mas o bastante para perceber o incremento fantástico na qualidade do seu trabalho.
Um abraço!

beto melodia disse...

olá..

como vanuza bem escreveu, começam a faltar adjetivos para qualificar sua Arte.
mas, como já o disse antes, qualificar, adjetivar para que, se uma das faces da arte, É sr do vale...

o que não falta é a grande admiração que nutrimos por você e seu trabalho.

Um ótimo fim de semana.

(a segunda postagem entra no ar às 00:01 de 30/08 - horário ms)

Big clash disse...

Considerações sobre "Resíduos Humanos":

"E ele nem quis olhar para trás
mesmo tendo que passar por sobre todos os cadáveres

E ele só queria esquecer
um pesadelo que viveu
em uma grande cidade

Seus olhos frios eram de viver
sua face louca era um só pensar
seu passo incerto era como
toda a sua juventude

Não vá embora
fique comigo
me espere na mesma esquina
ou do outro lado da vida."


Seu trabalho é magnífico.
Parabéns!

Abraços

Sr do Vale disse...

Caso Renato Cordeiro, leia.

O nome da Pintura é HOMUS ERECTUS.
O Sonho de Poe é outra que ainda não publiquei.

Eu, sem clone disse...

Sou sua fã. Quanta criatividade. Vi seu Baile de Máscaras e adorei.
bom fim de semana

Big clash disse...

Olá Ser do Vale,
ao adentrar em sua casa deparei-me com grata surpresa, a publicação do comentário em sua postagem "Resíduos Humanos". Obrigado, por dar espaço ao meu delírio...
Também criei um link de sua página lá no fuxuca, no menu "Penso,logo acesso".

Abraços.

edulms disse...

Sr do Vale; parabéns pela arte que nos faz admirar/pensar!!!!

Crisfonseca disse...

Sr do vale,
estou simplesmente impressionada, incrível como esta tua pintura teve o poder de sorver-me. Ao ler o poema e olhar tua obra recolhi em mim mesma. Não sei lhe dizer, mas trouxe-me alguma profundidade.
Fabuloso nossas emoções diante de uma obra, em especial a tua.
Beijos,
Cris

BIA disse...

...Atrever-me-ia a dizer: Big Flash!


Sábado sem nada que fazer? Hummmm!


Abraço de peito aberto

BIA

Essência Pura disse...

Olá

Vim desejar um feliz final de semana e me deparo com mais uma obra fantástica....
Então...
Bom final de semana e parabéns...é incrível sua sensibilidade e jogo de cores...adorei

Miriam

Selena Sartorelo disse...

Um elogio ao meu modo.

Com obrigação,
com culpa,
com cobrança,
com ódio,
com dor,
com vergonha,
com pena,
com hipocrisia.
Quão insignificante que sou.
Mas tua obra é tão boa que não gostei de tudo o que ela me fez sentir.



abraços,
Selena

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querido Amigo, quero desejar-lhe um bom Domingo... Beijinhos de carinho,
Fernandinha

Marcello L. a.k.a. Maddy Lee disse...

Faaaala, Valleyman!
Tá rolando parceria com o Big Brother Clash - excelente!
Isso tudo está formando uma belíssima confraria - a Fraternidade dos Amigos Blogueiros Ultra Loucos e Alucinados - a F.A.B.U.L.A. pra encurtar... rsrsrsrsrsrs
Abração!
ML

Bárbara Lia disse...

oi, gracias pelas palavras na minha página azul, a poesia é meu ópio...
A Ana é poetamiga, ainda empreenderemos juntas uma obra, imagem/palavra...
um abraço

Sérgio Luyz Rocha disse...

Olha, não sei aonde tua pintura vai chegar...penso, inclusive, que ela já lá está...em algum mundo e tempo ainda inacessível ao olhar comum, pois o que vês, certamente, é futuro e dentro de cada um..

"Resíduos Humanos" é arte total...fabuloso!!!

Sérginho..

Obrigada à Lua, Mãe Ancestral que nos ensina a Arte de Curar - Madre Del'Alma disse...

Querido amigo enfeitiçado!
Sr, do Vale...

Sua palavras somadas a beleza de sempre em sua obra, trouxe-me a lembrança um pequeno texto, de uma profundida ímpar:
" Eu acredito no sol mesmo quando não ilumina.
Eu acredito no amor, mesmo quando não o sinto.
Eu acredito em Deus, mesmo quando permanece calado."
(escrito em um sótão por judeus, que se escondiam de nazistas).
Como sempre me convidas a viajar em sua companhia, e mais uma vez, saio com a Alma transbordante de energia e Paz...
PARABÉNS !!!!!!!!
Um início de ciclo semanal com seu coração transbordando de Felicidade.
Carinhosamente
Stellinha :)

JADY*ALVES disse...

Resíduos Humanos!
E tua... Arte Inteira!Aptidão rara meu amigo!

Nem sabe a emoção que consegues passar através da tua arte, são infinitas as emoções, o olhar detém nas imagens e cores, impossível não estar dentro dela... É como aprisionar a alma em cada fragmento.

Meu querido, queria agora trazer-te a surpresa prometida, nem imaginas como tentei que sua arte fosse aprovada pra exposição no CCSP.
Infelizmente as regras mudaram, antes a mesma era encaminhada em mãos, mas hoje é tudo via internet...
Mas não desanime, assim como eu mesma não desanimo, pois sei que ainda terei o prazer de ver sua arte exposta e terei o maior prazer em visitá-la.
No momento o que você pode fazer:
Acompanhe pelo

Site: http://www.centrocultural.sp.gov.br/ccsp_editais.asp em editais mesmo e assim que abrirem as inscrições inscreva-se e envie.
Mas ainda outra dica: Entre no próprio site e mande um e-mail com algumas das suas obras pra que possam analisar e terem idéia do material que será exposto e possam abrir nova planilha favorecendo méritos ao "Grande Artista" que você é!Não desista e saia em campo atrás dos teus sonhos que também são meus. Não desista porque eu não desisto de você. Vou continuar tentando...
Deixo um beijo e meu carinho, quinta feira estarei no show do "Bala".